Roda Conveniência

Roda Conveniência

Icone de apresentação
R$ 5.000.000
Valor alvo máximo
Icone de apresentação
R$ 5.000
Investimento mínimo
Icone de apresentação
28/10/2021
Data de abertura
Icone de apresentação
Alimentos e Bebidas
Setor
Icone de apresentação
R$ 3.500.000
Valor alvo mínimo
Icone de apresentação
R$ 53.387.096,78
Valuation da rodada
Icone de apresentação
26/01/2022
Data de encerramento
Icone de apresentação
-
Rentabilidade Alvo
Captado: R$ 4.712.800
Alvo máximo: R$ 5.000.000
21%
73%
6%
Confirmado 21.1%
Reserva 73.1%
Disponível 5.7%
Mercado
Descrição

A Roda é uma RetailTech de micromercados autônomos para condomínios e espaços corporativos que combina foco no cliente, dados e tecnologia. Ela está revolucionando a experiência de compra no varejo e cresceu 800% no último ano. A empresa já é líder absoluta no estado do Rio de Janeiro e possui plano de expansão para outros estados.


A Roda desburocratiza a compra e agiliza o acesso a itens de consumo imediato. A empresa se propõe a resolver os problemas de lojas de conveniência e minimercados de bairro — que praticam preços mais elevados, oferecem um mix de produtos limitado, exigem deslocamento e ainda têm um horário de funcionamento limitado. A Roda leva lojas autônomas para dentro de condomínios e empresas, e com isso o consumidor passa a ter, de fato, conveniência. Além disso, com a inteligência de dados na compra, são ofertados os produtos adequados para cada público e com o preço de supermercado. Hoje, a Roda opera em escritórios, academias, estacionamentos e faculdades.

 

O mercado de micromercados está bastante atrelado ao das vending machines (vendas por meio de máquinas) e apesar de ser bastante comum já há alguns anos, principalmente nos Estados Unidos e em países da Europa, somente agora está ganhando força no Brasil.

 

Outro fator que acelera este crescimento é o novo comportamento dos jovens das gerações Y e Z, que já está impactando de forma estrutural  este setor. Eles buscam comodidade, mas também um equilíbrio maior de qualidade de vida. Isto naturalmente se reflete na escolha dos alimentos que consomem e na comodidade para obtê-los. Essas gerações valorizam, sobretudo, alimentos e bebidas mais saudáveis, modificando diretamente a sua cesta de produtos e a forma como eles compram e pagam por eles.


Assista à gravação do webinar que fizemos com o CEO da Roda


Assista à gravação do webinar que fizemos com investidores da Roda


Mercado acessível - Nível Rio de Janeiro

4500+ condomínios residenciais qualificados

3600+ escritórios, academias, hospitais, faculdades

Faturamento: R$ 1,1+ bilhão/ano


Mercado Endereçável - Nível Brasil

80.000 condomínios qualificados

60.000 escritórios, academias, hospitais, faculdades

40.000 bancas de jornal modelo "containerizável"

90.000 metrôs, praias, transporte, postos, etc.

Mercado: R$ 35+ bilhões/ano


Mercado Total - Nível LATAM

Varejo A & B: R$ 1,2 trilhões/ano


Fonte: Dados filtrados do Censo de 2010. Estimativa atual é de Mercado Acessível e Endereçável 50% maior.

Barreira de Entrada

Acesso a canais de distribuição, necessidade de capital, acesso a fornecedores estratégicos, conhecimento de mercado especifico

Produto Substituto

Vending Machines, Mercados locais, Lojas de Conveniência, Rappi, Ifood

Principais Competidores
Nutricar
Empresa que oferece soluções de conveniência flexíveis e inteligentes para que as pessoas tenham mais autonomia em suas vidas.
Market4u
Rede de mercados autônomos para condomínios ou empresas.
Vendify
Soluções de Micro Market para espaços corporativos com conceito de autosserviço.
Frugale
A Frugale de auto atendimento para empresas que desejam oferecer conveniência em alimentação saudável com uma estrutura modular sob demanda e horário flexível.
Onii
A Onii é uma empresa de tecnologia que oferece soluções de conveniência flexíveis e inteligentes
SmartBreak
Empresa do ramo de mini mercados em condomínios residenciais e empresas através do nosso modelo de HONEST MARKET
Maturidade de Mercado
Introdução
Crescimento
Maduro
Declínio
Concentração de Mercado
Pulverizado
Em desenvolvimento
Consolidação
Saturado
Concentração de Fornecedores
Poucos
Alguns
Muitos
Empresa
Oportunidade de Investimento

Com os avanços da tecnologia, podemos atender nossas vontades cada vez mais rápido, principalmente com alimentos e bebidas. A febre dos aplicativos de entrega tomou conta da vida do brasileiro e dificilmente vamos abandonar essa prática. Porém, o setor de varejo de alimentos está dando seu próximo passo em direção à comodidade e conveniência dos clientes com os micro-mercados. Pontos de venda localizados em prédios residenciais e comerciais, além de lugares como academias e faculdades, garante acesso a comidas, bebidas e outros itens rotineiros de forma rápida, fácil e sem o risco de demora ou erro, natural dos aplicativos de entrega. 

Os micro-mercados têm um modelo atraente, com receita altamente recorrente e vislumbram uma grande capacidade de expansão. Porém, só isso não é suficiente pra fazer a diferença. Dentre os players desse segmento, a Roda se destaca pela alta qualidade do atendimento aos clientes e pelo uso intensivo de dados, entendo as principais demandas e oferecendo as melhores soluções. Realmente, uma mão na Roda!


Seus principais diferenciais são:

- A Roda Conveniência é líder absoluta no estado do Rio de Janeiro e já possui planos para expansão para outros estados

 - Modelo de pontos de venda próprios, mantendo o padrão de qualidade da marca

 - Por conta dessa qualidade, a Roda atingiu a incrível marca de 99,2% de retenção mensal dos seus pontos por mês

 - Serviço totalmente validado e aprovado pelo mercado, permitindo que a Roda aumentasse seu faturamento em médio 10% ao mês ao longo de 2021

 - Uso intensivo de dados e tecnologia, permitindo que o faturamento mensal de um ponto de venda dobre ao longo de 9 meses de operação

 - Grande parte do crescimento foi realizado com poucos gastos em vendas ou marketing, indicando que essas ferramentas podem ser muito exploradas para a expansão da companhia

 - Time de Executivos altamente capacitado, com profissionais de Logística, Tecnologia, Marketing e Operações com experiência de mercado e sólido track record

 - A Roda já possui investidores de enorme reputação, que variam desde Executivos da Nestlé até ex-sócios e diretores do BTG Pactual.

Propósito

Conveniência em qualquer lugar e a qualquer momento.

Visão

Se tornar referência em micromarkets no Brasil, lançando novos pontos por todo o território nacional com novas tecnologias.

Missão

Levar praticidade e conveniência aos condomínios residenciais e comerciais, implementando micro mercados de autosserviço.

Histórico

A Roda conveniência começou em 2015 como Vending Machines de produtos saudáveis, mas logo enxergaram que essa não era a melhor forma de atender seus clientes. Então em 2017 iniciaram o modelo de Micro Market, Micro Mercados de Conveniência. Desde então, a empresa vem evoluindo e expandindo o negócio. Inicialmente, a Roda atendia somente em empresas, mas em 2020 foram impactados pela pandemia e como todos estavam trabalhando em Home Office, foi necessário se reinventar. A empresa passou a trazer bem-estar e comodidade não só para escritórios, mas também para condomínios residenciais. Atualmente é possível encontrar a Roda Conveniência em empresas, condomínios, faculdades, academias e estamos estão sempre abertos a conquistar novos espaços.

Estágio de Maturidade
Validação
Estruturação
Crescimento
Fase Operacional
Pré-operacional
Operacional
Público Alvo

Público-alvo residencial e comercial: Condomínios residenciais classe A-B, empresas com espaço físico em grandes cidades, academias e prédios corporativos.

Como consumidor final são os residentes dos condomínios, trabalhadores dos espaços comerciais e todos os visitantes do espaço em que o PDV está instalado.

Região de Atuação

Rio de Janeiro

Principais Executivos

Alessandro Pacanowski

CEO

Giancarlo Constanzo

Inovação

Raphael Queiroz

Desenvolvimento

Ulrich Von Borstel

Expansão

Ana Luiza Browne

Marketing

Bruno Batista

Operação

Pedro Machado

BI & Análise de Dados

Rodrigo Prates

AI & Computing Vision
Financeiro
Principais Indicadores
Atualizado em :
Lucro bruto
43%
CMV
57%
Capex por Unidade Aberta
R$ 11.600
Retenção MoM
99,2%
Retencao YoY
90,8%
Pontos de Venda Residencial
135
Pontos de Venda Corporativo
39
Informações Essenciais da Oferta
Documentos importantes
Propósito da oferta

Objeto Contratual. O presente Acordo de Investimento tem como objeto estabelecer os termos e condições nos quais o Investidor realizará o investimento na Sociedade Investida no âmbito da Oferta e a posterior Conversão dos recursos aportados pelo Investidor na Emissora.

 

Alocação dos Recursos. Os recursos aportados pelo Investidor serão alocados e registrados contabilmente na Sociedade Emissora. 

 

Cessão para Sociedade Controladora. Caso por qualquer motivo, os Sócios tenham que constituir uma holding, que tenha como único ativo a participação no capital social da Emissora e de Sociedades Afiliadas, estas últimas devendo ser entendidas como sociedades controladas ou coligadas à Emissora (“Holding Controle”), o Investidor desde já concorda: (i) com que a referida reorganização societária seja implementada a fim de viabilizar a conferência das quotas ou ações do capital social da Emissora para a Holding Controle; e (ii) ocorrendo a Conversão, esta recairá sobre a participação no capital social da Holding, que represente indiretamente a participação no capital social da Emissora, no percentual referido na(s) Cláusula(s) 4.5 e 4.6 (esta última, se aplicável) comprometendo-se, ainda, a praticar todo e qualquer ato necessário a formalizar a transferência dos direitos detidos em face da sociedade em direitos detidos em face da Holding Controle.    

 

O Investidor, nos termos dos arts. 286 e 299 do Código Civil e para fins de instrumentalização da Conversão, declara-se ciente e autoriza, desde já, que a Emissora poderá realizar cessão de sua posição contratual neste Acordo de Investimento à Holding Controleeventualmente constituída, nos termos da Cláusula 1.3. Nesta hipótese, a Conversão pelo Investidor ocorrerá na Holding Controle.

 

INVESTIMENTO

 

Investimento. Mediante a celebração do presente Acordo de Investimento, o Investidor compromete-se a subscrever e integralizar, na forma prevista na Cláusula 6 do presente Acordo de Investimento, a importância em reais descrita na alínea “a” desta Cláusula 2.1. (“Investimento”) abaixo.

 

Adesão. A adesão pelo Investidor aos termos da Oferta se dará mediante a assinatura do presente Acordo de Investimento. A assinatura do Acordo de Investimentose dará em meios exclusivamente eletrônicos, nos termos do §2º, art 10. da Medida Provisória 2.200-2/2001 e da Lei 14.063/2020, através da plataforma Docusign, prestador de serviço contratado pela Plataforma Beegin Invest.

Desistência. Nos termos do artigo 3º, inciso III, da ICVM nº 588, o Investidor terá o prazo de 7 (sete) dias corridos para desistir do Investimento na Sociedade Emissora a contar da transferência dos recursos (“Confirmação de Investimento”), sendo que a desistência por parte do Investidor, dentro do referido prazo, será isenta de qualquer multa ou penalidade. Caso o Investidor exerça o seu direito de desistência dentro dos referidos prazos, o presente Acordo de Investimento será considerado automaticamente rescindido e os recursos mantidos na Conta do Investidor (conforme abaixo definida) poderão ser resgatados mediante solicitação do Investidor.


Informações sobre Oferta

(i) Objeto da Emissora: a Sociedade Investida emissora dos Títulos de Dívida tem por objeto: (a) o fornecimento de lanches para consumo externo; (b) comércio varejista de perfumaria, artigos e toucador e cosméticos; (c) comércio varejista de peças e acessórios para aparelhos e equipamentos elétricos; (d) comércio varejista de alimentos congelados; (e) comércio varejista de produtos alimentícios não alcoólicos em máquinas automáticas; (f) comércio varejista de sorveteria; (g) padaria sem fabricação de pão; (h) comércio varejista de artigos de papelaria; e (j) aluguel de máquinas, aparelhos e equipamentos.

(ii) Oferta Pública: a Oferta será realizada por meio de distribuição pública, com dispensa de registro na CVM, por meio da Plataforma Beegin Invest, nos termos da ICVM 588;

(iii) Valor global da Oferta: R$ 5.000.000,00 (cinco milhões de reais);

(iv) Prazo: O prazo para captação da Oferta será de 90 (noventa) dias contados da data de início da Oferta, correspondente à data de 28 de outubro de 2021 até 26 de janeiro de 2022;

(v) Data de Vencimento: 4 (quatro) anos, a contar da data do Encerramento da Oferta;

(vi) Montante Máximo de Captação: A Sociedade Investida tem interesse em captar, por meio da Oferta, até R$ 5.000.000,00 (cinco milhões de reais);

(vii) Montante Mínimo de Captação: Caso haja distribuição parcial o valor mínimo da captação deverá ser igual ou superior a R$ 3.500.000,00 (três milhões e quinhentos mil reais);

(viii) Distribuição Parcial: A qualquer momento poderá a Sociedade Investida decidir pela distribuição parcial da Oferta, desde que atingido o Montante Mínimo de Captação da Oferta;

(ix) Destinação de Recursos: os recursos captados pela Sociedade Investida com a Oferta serão destinados para recursos humanos, tecnologia, operação, marketing, cac e CAPEX;

(x) Valor Nominal Unitário e Aquisição Mínima: Os Títulos de Dívida possuem o valor nominal unitário de R$ 1.000,00 (mil reais), com a aquisição mínima por Investidor de R$ 5.000,00 (cinco mil reais);

(xi) Porcentagem do Capital Social da Emissora que será objeto da Oferta: 9,36556% (nove inteiros, três décimos, seis centésimos, cinco milésimos, cinco décimos de milésimos e seis centésimos de milésimospor cento);

(xii) Conversibilidade: Os Títulos de Dívida serão convertidos em Ações Ordinárias;

(xiii) Atualização Monetária: Não haverá;

(xiv) Juros Remuneratórios: Não Haverá;

(xv) Garantias: Não Haverá; e

(xvi) Encerramento: a Oferta encerrar-se-á quando de sua conclusão com êxito ou de seu cancelamento por falta de êxito. A conclusão com êxito da Oferta dar-se-á sempre que (“Encerramento com Êxito”): (i) atingido o Montante Máximo de Captação; ou (ii) efetivada a Distribuição Parcial. Já o cancelamento da Oferta dar-se-á sempre que (i) encerrado o Prazo sem que se tenha atingido o Montante Mínimo de Captação da Oferta; e/ou (ii) for assim decretado pela CVM, nos termos da ICVM 588.


Direitos dos Investidores e Empresas

Tag Along. Na hipótese do Sócio Controladorpretender aceitar uma proposta de um terceiro para alienar, direta ou indiretamente, de forma voluntária ou em decorrência do recebimento de uma oferta vinculante de terceiro interessado (“Terceiro Adquirente”), transferirAções da Emissora ("Oferta de Compra"), o Investidor terá o direito de exigir que tal alienação englobe também as Ações de sua propriedade em decorrência da Conversão em Ações (observado o disposto na Cláusula 4) na mesma proporção, nos mesmos termos e por preço igual ao preço por ação oferecido ao Sócio Controlador ("Tag Along").

 

Notificação ao Investidor. A Sociedade Investida deverá notificar o Investidor, por meio da Plataforma Beegin Invest, ou por outro meio legalmente idôneo e previamente acordado pelas Partes, acerca de uma Oferta de Compra informando as condições de tal oferta, de forma que o Investidor possa, a seu exclusivo critério, exercer o Tag Along. 

 

Manifestação do Investidor. Caso deseje exercer o Tag Along, o Investidor deverá informar, preferencialmente por meio da Plataforma Beegin Invest, sendo facultado, no caso de indisponibilidade da Plataforma, que seja realizado por outro meio legalmente idôneo e previamente acordado pelas Partes, e no prazo de até 10 (dez) dias do recebimento da notificação de que trata a Cláusula 5.1.1 acima ("Prazo de Adesão"), sua decisão em aderir à Oferta de Compra. Havendo manifestação pelo Investidor quanto a sua intenção de exercer o Tag Along, o Sócio Controlador somente poderáaceitar a Oferta de Compra e efetivamente alienar suas Ações de emissão da Emissora, concomitantemente, se o terceiro interessado também adquirir, nos mesmos termos e condições aplicadas ao Sócio Controlador, as Ações detidas pelo Investidores que aderiram à Oferta de Compra.

 

Não-Exercício. Na hipótese de o Investidor nãomanifestar sua intenção de exercer o Tag Along durante o Prazo de Adesão, o silêncio será considerado como uma renúncia, de modo que o Sócio Controlador poderáprosseguir livremente com a alienação de suas Ações ou quotas de emissão da Sociedade Investida ao terceiro interessado nos termos da Oferta de Compra.

 

Drag Along. Na hipótese de o Sócio Controlador pretender aceitar uma proposta de um terceiro para alienar, direta ou indiretamente, o Controle da Emissora ("Oferta de Compra Drag Along"), o Sócio Controlador terá o direito de exigir que o Investidor venda também as Ações de sua propriedade em decorrência da Conversão em Ações (observado o disposto na Cláusula 4.5) nos mesmos termos oferecidos ao Sócio Controlador ("Drag Along").

 

Preço Mínimo de Drag Along. O Drag Along somente poderá ser exercido se a Oferta de Compra Drag Along for baseada em valuation da Sociedade Emissora igual ou superior a R$ 250.000.000,00 (duzentos e cinquenta milhões de reais), corrigido, pro rata die, entre aconclusão exitosa da Oferta e a realização da Oferta de Compra Drag Along, de acordo com a variação do IPCA, na falta deste índice, a correção será realizada de acordo com o índice IGP- M/FGV, acrescido de juros remuneratórios de 0,5% a.m. (cinco décimos por cento ao mês).

 

Notificação ao Investidor. A Sociedade Investida deverá notificar o Investidor acerca de uma Oferta de Compra Drag Along e da intenção do Sócio Controlador em exercer o Drag Along no prazo de até 10 (dez) dias contados do recebimento da Oferta de Compra Drag Along, por meio da Plataforma Beegin Invest, sendo facultado, no caso de indisponibilidade da Plataforma, que seja realizado por outro meio legalmente idôneo e previamente acordado pelas Partes, e informar todas as condições da referida Oferta de Compra Drag Along.


Obrigações da Emissora

(i) utilizar a integralidade dos recursos líquidos captados, aqui descontadas as despesas com a emissão,na Oferta a que se refere o presente Acordo de Investimento, de acordo com o previsto na Cláusula 3.1(ix) acima;

(ii) arcar, de forma exclusiva, com todos os custos relativos: (a) aqueles pertinentes aos registros públicos em Juntas Comerciais; (b) se contratados, os assessores jurídicos e/ou financeiros que auxiliaram a Emissora para realização da Oferta; e (c) outros custos acordados entre a Emissora e Plataforma;

(iii) todas e quaisquer outras providências necessárias para a emissão e manutenção dos Títulos de Dívida e sua conversão;

(iv) prestar, por meio da Plataforma Beegin Invest, ou por outro meio legalmente idôneo e previamente acordado pelas Partes, as informações razoavelmente requeridas pelo Investidor, nos termos do material da Oferta;

(v) a cada 6 (seis) meses, divulgar, por meio da Plataforma Beegin Invest, ou por outro meio legalmente idôneo e previamente acordado pelas Partes, as informações relacionadas aos negócios da Sociedade Investida, e previamente listadas na Oferta (inclusive, eventuais alterações dos planos de negócios da Sociedade Investida), especialmente quanto à evolução dos indicadores-chave do plano de negócios da Sociedade Investida, conforme listados no Anexo 7.1(v);

(vi) assegurar que todas as informações prestadas ao Investidor sejam verdadeiras, consistentes, corretas e suficientes, permitindo ao Investidor uma tomada de decisão fundamentada a respeito da Oferta;

(vii) efetuar recolhimento de quaisquer tributos que incidam ou venham a incidir sobre a Oferta e que sejam de sua responsabilidade, nos termos da legislação tributária aplicável;

(viii) exigir que os seus administradores atuem nos termos dos respectivos contratos de trabalho firmados entre a Sociedade Investida e cada um dos seus administradores, dedicação esta que pode vir a dar-se inclusive por meio da prestação de serviços a outras sociedades que componham o grupo econômico da Sociedade Investida;

(ix) comunicar, por meio da Plataforma Beegin Invest, ou por outro meio legalmente idôneo e previamente acordado pelas Partes, a ocorrência de quaisquer eventos ou situações que sejam de seu conhecimento e que possam afetar negativamente sua habilidade de efetuar o pontual cumprimento das obrigações, no todo ou em parte, assumidas perante o Investidor, ou relacionado ao exercício de qualquer direito pelo Investidor, em especial com relação à opção de conversão em Ações aqui prevista; 

(x) tomar as medidas necessárias para que todo o envio e recebimento de comunicações e notificações entre a Sociedade Investida e o Investidor durante o andamento da Oferta sejam realizados por meios eletrônicos e de forma idônea e segura, por meio da Plataforma Beegin Invest, e, após concluída a Oferta, por escrito e entregues por e-mail, aplicativos de comunicação, através da Plataforma Beegin Invest, carta registrada, courier, em mãos ou para o endereço do Investidor descrito no preâmbulo do presente instrumento; e

(xi) Informar o Investidor, através da Plataforma, antes de realizar qualquer Nova Rodada de Captação explicitando todos os termos e condições da Nova Rodada de Captação;


Distribuição do Investimento - Mínimo

Caso a oferta venha a captar o valor mínimo de R$ 3.500.000 a distribuição do investimento será realizada da seguinte forma;

Pessoas: 26%

Capex: 25%

Tecnologia: 22%

Marketing e CAC: 16%

Operação: 11%

Distribuição do Investimento - Máximo

Caso a oferta venha a captar o valor máximo de R$ 5.000.000 a distribuição do investimento será realizada da seguinte forma;

Pessoas: 26%

Capex: 25%

Tecnologia: 22%

Marketing e CAC: 16%

Operação: 11%

Perspectivas
Projeções
Faturamento
(-) CMV
(-) Despesas
Pessoal
Vendas
Aluguel
Administrativo
TI
Marketing
Outros
(=)EBITDA
(=)Lucro líquido
Investimentos
Headcount
Explicação das Projeções

Faturamento: 

Principais drivers do modelo:

 - Receita altamente recorrente

 - Forte oportunidade de expansão, sem necessidade de tomar clientes da concorrência para crescer.


Para o final de 2021, espera-se:

 - Faturamento de R$15,2 milhões

 - Atuação apenas no estado do RJ

 - 270 pontos de venda ativos, sendo 85% em áreas residenciais e o resto em áreas comerciais


Já para o final de 2022, após a captação e alocação dos recursos, a projeção é de:

 - Faturamento de R$42,5 milhões

 - Expansão para outro estado além do RJ

 - 750 pontos de venda ativos, sendo 73% em áreas residencias e o resto em áreas comerciais 


Seguindo o planejamento, a empresa espera estar ao final de 2025 com:

 - Faturamento de R$ 253 milhões

 - Atuação em 12 estados

 - 4.300 pdvs, sendo 70% em áreas residenciais e o resto em áreas comerciais


Outras maneiras de monetizar o negócio: usar o pdv como espaço para outras empresas fazerem propaganda e divulgação de suas marcas.


Espera-se que, ao final de 2025, o modelo tradicional de venda de bens de consumo corresponde a 75% da receita (R$190 milhões), ficando os outros 25% (63 milhões) com os modelos de negócios complementares



Despesas: As projeções de despesa em geral estão de acordo com o plano de crescimento da empresa. 

Pessoal: Atualmente, a Roda está recompondo seu time, que foi reduzido em 2020 pelo corte de despesas decorrente da pandemia. Por isso, a ideia ao longo de 2021 foi restabelecer as equipes e estruturar as áreas para o momento de expansão. Uma vez que as áreas estejam montadas, outros aumentos de time acompanharão o crescimento da empresa mas em proporções cada vez menores dado os ganhos de eficiência da equipe (com processos bem feitos, menos pessoas podem fazer mais trabalho).

Vendas: Hoje, há um investimento não muito grande em vendas por conta do crescimento orgânico do segmento de micro-mercados. Porém, com a abertura de novas frentes e a expansão para outros estados, bem como a potencial entrada de outros concorrentes no futuro, as despesas com vendas tendem a aumentar e ocupar uma proporção cada vez maior ao longo dos próximos anos. 

Marketing: Na mesma linha, despesas relacionadas à marketing, que não vinham recebendo tanta prioridade, devem ganhar força para fortalecimento da marca principalmente para a expansão em novos estados, trabalhando fortalecimento de marca e buscando um CAC cada vez menor pra Roda.

Aluguel: Tanto os galpões quanto os automóveis usados para distribuição de produtos nos pdvs são alugados. Sendo assim, com a abertura de pdvs em outros estados, será necessário aumentar as despesas com aluguel.

Administrativos: Se enquadram diversas despesas gerais que não devem aumentar e, portanto, despesas administrativas devem reduzir seu impacto nas projeções. Cabe ressaltar, porém, que a Roda é responsável por pagar o consumo de energia elétrica dos pdvs e esse valor, que corresponde a 20-25% das despesas administrativas, deve aumentar em linha com a expansão da empresa.

TI: Despesas relacionadas com software e que também deve diminuir em relação ao faturamento nos próximos anos. Cabe ressaltar que a Roda é extremamente orientada ao uso de tecnologia e de dados, mas despesas associadas à "Pesquisa e Desenvolvimento" estão presentes em outras linhas, principalmente na linha de Pessoal, e por isso as projeções de TI, que focam mais em programas de computador e sistemas, não tendem a aumentar tanto quanto outras.

Outros: Despesas com classificação incerta ou pouco signicativas para uma linha consolidada. Tendem a diminuir devido a melhores categorizações de despesas no futuro.

Societário
Distribuição da Participação Societária

Atual

  • Alessandro Augusto Pinto de Oliveira Pacanowski: 29.77%
  • Bruno Guimarães Batista: 1.23%
  • Davi Lemos: 6.52%
  • Frederico Brandão: 7.42%
  • Giancarlo Constanzo: 36.52%
  • Paulo Cunha: 0.54%
  • André Porto: 0.54%
  • Renato Naigeborin: 0.54%
  • Barrah B1 Venture Capital: 0.27%
  • Stock Options Colaboradores: 16.64%

Pós-Rodada

  • Alessandro Augusto Pinto de Oliveira Pacanowski : 26.98%
  • Bruno Guimarães Batista : 1.11%
  • Davi Lemos : 5.91%
  • Frederico Brandão : 6.73%
  • Giancarlo Constanzo : 33.1%
  • Investidores beegin: 9.37%
  • Paulo Cunha : 0.49%
  • André Porto : 0.49%
  • Renato Naigeborin : 0.49%
  • Barrah B1 Venture Capital : 0.24%
  • Stock Options Colaboradores: 15.08%
Distribuição da Participação Societária: Pós-Rodada
  • Alessandro Augusto Pinto de Oliveira Pacanowski : 26.98%
  • Bruno Guimarães Batista : 1.11%
  • Davi Lemos : 5.91%
  • Frederico Brandão : 6.73%
  • Giancarlo Constanzo : 33.1%
  • Investidores beegin: 9.37%
  • Paulo Cunha : 0.49%
  • André Porto : 0.49%
  • Renato Naigeborin : 0.49%
  • Barrah B1 Venture Capital : 0.24%
  • Stock Options Colaboradores: 15.08%
Riscos
Riscos Gerais
Risco de Execução (médio risco)
Interno
Parte do plano de crescimento da empresa consiste na expansão para outros locais do Brasil e desenvolvimento de novos pontos de vendas. O modelo já foi validado ao longo do último ano, mas para atingir os objetivos formulados, a empresa precisa manter o alto nível de processo interno, pessoas e sistemas, e encara novos desafios para bater as metas desejadas de faturamento e expansão.
Risco de Tecnologia (médio risco)
Interno
Para entregar uma qualidade e conveniência cada vez maior e fazer frente aos competidores, a empresa precisa estar a par dos avanços tecnológicos do setor.
Risco Pessoas-Chave (baixo risco)
Interno
Os executivos atuais são os mesmos que fundaram a empresa e demonstram compromisso com a operação e crescimento da sociedade.
Risco de Alavancagem (médio risco)
Interno
Alavancagem Operacional: A empresa precisa de capex para instalação dos PDVs como geladeiras, estantes e totens de pagamento e, por isso, possui uma grande quantidade de ativo imobilizado. Em contrapartida, a empresa vem conseguindo subsidio de alguns desses móveis com os principais fornecedores - dando exclusividade em troca - além de estar trabalhando com otimização dos pontos de venda, como por exemplo a substituição dos totens de pagamento por cobranças feitas diretamente no aplicativo. Alavancagem Financeira: A empresa, hoje, possui um volume de dívida que adquiriu para sobreviver à pandemia. Cabe ressaltar porém que a companhia aproveitou as boas condições de crédito do pico da pandemia e paga um custo relativamente baixo em cima da dívida. Além disso, aproximadamente 75% da dívida corresponde a instrumentos de mútuo conversível de outros investidores, ficando apenas 25% da dívida referente a empréstimos/fomento com instituições financeiras
Risco Fiscal (médio risco)
Externo
A operação da Roda Conveniência hoje está focada apenas na cidade do Rio de Janeiro onde a operação fiscal já foi mapeada. Porém, no momento de expansão regional poderão haver impostos interestaduais e alíquotas municipais diferentes, o que pode levar a uma maior complexidade e estar suscetível a mudanças de leis e portarias que possam atrapalhar a margem e operação da empresa.
Fórum
Ver mais
Uma empresa do
Grupo Solum
Instagram Linkedin
Rua Professor Artur Ramos 183, 51 Jardim Paulistano - São Paulo CEP 01454-905
Regulado por: Plataforma licenciada conforme Ato declaratório Nº 17.300, de 8 de Agosto de 2019
As sociedades empresárias de pequeno porte e as ofertas apresentadas nesta plataforma estão automaticamente dispensadas de registro pela Comissão de Valores Mobiliários – CVM. A CVM não analisa previamente as ofertas.As ofertas realizadas não implicam por parte da CVM a garantia da veracidade das informações prestadas, de adequação à legislação vigente ou julgamento sobre a qualidade da sociedade empresária de pequeno porte. Antes de aceitar uma oferta leia com atenção as informações essenciais da oferta, em especial a seção de alertas sobre riscos.” INSTRUÇÃO CVM Nº 588, DE 13 DE JULHO DE 2017
© 2021 beegin.invest. Todos os direitos reservados.